Baixo consumo

Esta é a grande vantagem das lâmpadas LED (do inglês díodo emissor de luz). O princípio de funcionamento baseia-se na electroluminescência - emissão de luz pela passagem de energia. Este processo pode representar uma poupança de 80%, relativamente às lâmpadas incandescentes, cuja substituição pelas lâmpadas fluorescentes ou de LED será um passo crucial para o controlo das emissões de gases que contribuem para o efeito de estufa do planeta.

Durabilidade

Uma boa lâmpada LED pode durar de 35 a 50 mil horas (oito a dez anos) enquanto as incandescentes têm um tempo de vida de cerca de um ano, em média. Também o feixe luminoso emitido pela lâmpada praticamente não altera o brilho com o seu uso. Uma lâmpada fluorescente compacta chega a perder 84% do seu fluxo luminoso após 2 mil horas de uso.

Segurança

Não oferece risco de contato direto – por trabalhar com baixa tensão, pode ser usado também em ambientes húmidos, sem riscos.

Amigo do ambiente

Não fazem parte da sua composição substâncias tóxicas, nem mercúrio ou filamentos.

Robustez

Ao contrário das lâmpadas incandescentes, que se partem com facilidade, as LED, baseadas em semicondutores, são resistentes ao choque.

Temperatura

Quase toda a energia fornecida às lâmpadas LED é gasta na iluminação, pelo que não há, praticamente, libertação de calor.

Cor

As LED oferecem várias colorações, o que permite inúmeras possibilidades de iluminação, sobretudo em espaços de festa.